14 frases que mudaram a história do Brasil e do mundo

O que Che Guevara, D. Pedro I ou Steve Jobs têm em comum? Suas frases mudaram ou fizeram história. Você pode até não concordar com essas ideias. Mas elas forma marcos para a humanidade. Leia e inspire-se.

1)      “A religião é o ópio do povo” (1843) – Karl Marx

Marx foi um intelectual e revolucionário alemão, fundador da doutrina comunista moderna, que atuou como economista, filósofo, historiador, teórico político e jornalista. Sua grande obra é O Capital, na qual faz uma extensa análise da sociedade capitalista. Porém, foi no trabalho “Crítica da filosofia do direito de Hegel” que proferiu a frase que entraria para a história pela força e atrevimento na época.

2)      “Há mais coisas no céu e na terra do que sonha a tua vã filosofia” (1848) – William Shakespeare

William-Shakespeare-007

A frase, encontrada em Hamlet, imortalizou o escritor e dramaturgo inglês, que até hoje influencia milhares de escritores. Na mesma tragédia há outra célebre frase “Ser ou não ser, eis a questão”.

3) “O amor é a força mais abstrata, e também a mais potente, que há no mundo.” ( 1942) – Mahatma Gandhi

Por quase um século, a Índia, terra deste líder religioso e pacifista, foi dominada pela coroa britânica, e o povo estava farto. O Congresso Indiano, então, liderado Mahatma Gandhi implantou uma revolução pacífica que forçou a retirada do poder britânico do país, permitindo a declaração da independência da Índia. A conquista só foi possível porque Gandhi, em 8 de agosto de 1942, proclamou em um discurso público sobre táticas de desobediência civil sem violência.

4) “Eu tenho um sonho” (1963) – Martin Luther King

index

Um dos organizadores da marcha pelos direitos civis em Washington (Estados Unidos), em 28 de agosto de 1963, Luther King emocionou a multidão de 200 mil pessoas com o seu mais famoso discurso, “I Have a Dream” (“Eu tenho um sonho”). Um dos trechos dizia: “Eu tenho um sonho de que meus quatro filhos um dia viverão em uma nação que não os julgará pela cor de sua pele, mas pelo seu caráter.”

 5) “Hay que endurecer, pero sin perder la ternura jamás” (1953) – Ernesto Che Guevara

LEGANERD_038671[1]

Médico e político, Che ajudou Cuba a se tornar uma nação comunista, ao idealizar a liderar a chamada Revolução Cubana.   Na opinião pública seu nome desperta grandes paixões, a favor e contra. Mas o fato é que converteu-se em um símbolo de importância mundial, sendo considerado pela revista norte-americana Time uma das cem personalidades mais importantes do século 20. Sua frase ficou famosa por representar uma aura romântica da causa comunista e, de certa forma, justificar a  necessidade de uma revolução do país, mais tarde comandado por Fidel Castro.

 6) “É fácil amar os que estão longe. Mas nem sempre é fácil amar os que vivem ao nosso lado”  (1979) – Madre Teresa de Calcutá

Missionária católica, Madre Teresa ganhou o Prêmio Nobel para a Paz, em 1979. Um de seus pensamentos era este: “Não usemos bombas nem armas para conquistar o mundo. Usemos o amor e a compaixão. A paz começa com um sorriso”.

 7) “Só sei que nada sei” (470 a.C. – 399 a.C.) – Sócrates

Sócrates foi um filósofo ateniense do período clássico da Grécia Antiga. Considerado como um dos fundadores da filosofia ocidental, é até hoje uma figura enigmática, conhecida principalmente através dos relatos em obras de escritores que viveram mais tarde, como seu discípulo, Platão. Sócrates dizia que sua sabedoria era limitada à sua própria ignorância. Segundo ele, a verdade, escondida em cada um de nós, só é visível aos olhos da razão (daí a célebre frase “Só sei que nada sei”). Para o filósofo, os erros são consequência da ignorância humana e as pessoas deveriam conhecer seus desconhecimentos (“Conhece-te a ti mesmo”).

 8) “Se é para o bem de todos e felicidade geral da Nação, estou pronto! Digam ao povo que fico” (1822) – D. Pedro I

O primeiro monarca do império ficou do lado dos brasileiros quando a coroa portuguesa decidira rebaixar o Brasil à categoria de colônia. Pressionado pelas cortes portuguesas, Dom João VI assinou um documento que tornava inefetivo o título de príncipe regente do Brasil concedido a D. Pedro I. Uma ordem judicial exigiu a volta imediata do príncipe a Portugal. Foi enviada uma frota ao Rio de Janeiro, destinada a repatriá-lo. Após ter recebido um abaixo-assinado com 8 000 assinaturas (conhecido como Petição do Fico) que pedia que permanecesse no Brasil, o regente recusou-se a embarcar para a Europa e, em 9 de janeiro de 1822, pronunciou, em um episódio que ficou conhecido como o Dia do Fico, a frase histórica. Em 7 de setembro do mesmo ano, o herdeiro de D. João VI proferiu outra famosa frase, desta vez na versão grito (o chamado Grito do Ipiranga): “Independência ou Morte!”.

  9)  “A Alemanha precisa de um líder em quem ela possa ter fé; nada além disso” (1933) – Adolf Hitler

adolf-hitler-1

Orador nato, o ditador nazista conseguiu convencer seus seguidores no projeto de criar uma “raça superior” com essa frase aparentemente inofensiva, dita em seu discurso de posse depois de ser eleito chanceler da Alemanha. Hitler proclamou que o nazismo não deveria ser encarado como uma plataforma política, mas como uma fé política. Tempos mais tarde e milhares de crimes contra a humanidade depois, outra frase reveladora seria ouvida do  déspota: “Torne a mentira grande, simplifique-a, continue afirmando-a, e eventualmente todos acreditarão nela”.

 10) “Não tenho nada a oferecer senão sangue, trabalho árduo, suor e lágrimas” (1940) - Winston Churchill

Quando se fala na expressão sangue, suor e lágrimas, o que muitos não sabem é que ela foi proferida pelo ex-primeiro ministro da Inglaterra. A frase abriu o primeiro discurso no cargo e o primeiro de três poderosas pronunciações de Churchill durante a Batalha da França, pela Segunda Guerra Mundial. O poder de oratória do estadista foi essencial para convencer o povo a pegar em armas enquanto Hitler e suas tropas avançavam pela Europa.

11) “A educação é a arma mais poderosa que se pode usar para mudar o mundo” – (1964) – Nelson Mandela

MANDELA

Antes de ser preso por ser considerado uma ameaça nacional, o líder revolucionário sul-africano Nelson Mandela fez um fez um discurso público denunciando todas as políticas de segregação praticadas pelo regime do apartheid.  Mandela chegou a afirmar que morreria pela causa democrática. Nelson Mandela não morreu, mas ficou preso por 27 anos de prisão em condições insalubres. O discurso de Nelson Mandela foi determinante na luta pelos direitos iguais entre negros e brancos na África do Sul e no mundo. É dele outra histórica frase: “Sonho com o dia em que todos levantar-se-ão e compreenderão que foram feitos para viverem como irmãos”.

12) “As pessoas não sabem o que querem até você mostrar a elas” (2005 – Steve Jobs Steve Jobs

steve-jobs-home-burglarized.jpeg-1280x960

Já sabendo que tinha um tipo agressivo de câncer, Steve Jobs fez um discurso histórico aos formandos da Universidade Stanford, nos Estados Unidos. Durante sua fala, ele contou detalhes de sua infância, incluindo o fato de ser filho adotivo, expôs as dificuldades do início de carreira e mostrou como encarava a morte. Sua mensagem final aos estudantes foi: “Continuem com fome; continuem bobos; tenham coragem de seguir seu coração e sua intuição”. Esta é só mais uma das grandes frases ditas pelo homem que revolucionou a computação moderna.

 13) Sim, nós podemos (2008) – Barack Obama

“Yes, we can” foi uma frase largamente utilizada durante a campanha presidencial dos Estados Unidos de 2008, pelo então candidato Barack Obama. Deu certo. Em 4 de novembro de 2008, Barack Obama foi eleito o primeiro presidente negro dos Estados Unidos, derrotando John McCain. No discurso de vitória, em Chicago, fez uma frase histórica: “Se existe alguém que ainda duvide que os Estados Unidos sejam o lugar onde todas as coisas são possíveis, que ainda questione a força de nossa democracia, a resposta está aqui esta noite”. Obama se tornou o segundo presidente mais votado do mundo com 69,4 milhões de votos, e o presidente mais votado da história dos Estados Unidos.

 14) “Saio da vida para entrar na história”  (1954) – Getúlio Vargas

A frase completa é “Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história” e faz parte da carta deixada pelo então presidente antes de seu suicídio, com um tiro no coração. A maneira de se dirigir ao povo foi determinante na construção da popularidade de Getúlio Vargas. A oratória era uma das ações populistas que o ex-presidente utilizou para se aproximar de seu eleitorado. E fez isso com maestria até seu último suspiro.

Comentários ofensivos, abusivos ou com spam, fará com que você seja banido de comentar!